Doenças Reumáticas – Como aliviar a dor

Com em tentas outras patologias, através da alimentação podem aliviar-se os sintomas de algumas doenças reumáticas. Isto consegue-se evitando comer determinados alimentos e introduzindo alguns nutrientes específicos «, que podem ser benéficos.

doencas reumaticas

Água e Gorduras

Este binómio é essencial para prevenir e tratar as doenças reumáticas.

  • Água – A água é um dos principais componentes de lubrificante de que as articulações necessitam para se moverem e flectirem sem problemas. Portanto, nunca deve faltar. É essencial para eliminar as toxinas do organismo e, assim, evitar que se acumulem no organismo. Há que beber, pelo menos dois litros de líquido por dia, sob a forma de sopas, sumos, chás ou, simplesmente água.
  • Gorduras – As gorduras não só são importantes para a lubrificação, como também para a redução da inflamação. Mas nem todas as gorduras são boas: os investigadores afirmam que, enquanto os ácidos gordos omega-3 baixam a inflamação, os omega-6 podem piorá-la. Assim, seria conveniente ingerir, pelo menos, dois pratos de peixe por semana e/ou cápsulas de óleo de peixe.

Equilíbrio Ácido-Alcalino

Para manter o equilíbrio ácido-alcalino, a dieta quotidiana deve conter 3/4 de alimentos alcalinizantes e apenas 1/4 de alimentos formadores de ácidos. A maior parte dos doentes reumáticos abusou, durante toda a sua vida, de uma dieta excessivamente ácida.

  • Os principais alimentos alcalinos são: frutas frescas – incluindo os citrinos – , frutos secos e legumes.
  • Entre os alimentos ácidos, destacam-se: carnes, peixes, queijos, ovos, pão, massas, álcool, açúcar, fritos, chá e café, arroz, cereais processados, condimentos e sal.

Sumos Vegetais

Fazer uma dieta de sumos vegetais reduz consideravelmente as dores nas articulações. Pode jejuar-se um dia por semana, tomando exclusivamente sumo de cenoura, aipo ou couve.

Antioxidantes

Como todas as doenças degenerativas, as reumáticas melhora com os antioxidantes, os quais neutralizam o efeito dos radicais livres e, portanto, atrasam o processo de envelhecimento. Os antioxidantes podem ser encontrados nas frutas, nas hortaliças e na carne crua.

Menos Sal e mais Caril

O caril, uma combinação de especiarias que se utiliza como condimento na Índia, tem especiais propriedades anti-inflamatórias, pelo que, ao ingeri-lo, aliviam-se os incómodos provocados pela artrite.

Mais Vitaminas

As vitaminas mais importantes são:

  • Vitamina E – Alivia as dores e o entumecimento e actua, também, como antioxidante. Encontra-se vitamina E no óleo de gérmen de trigo, o qual pode ser acrescentado, em flocos, às sopas ou cremes – já no prato -, aos iogurtes e às saladas. Um máximo de três colheres por dia.
  • Vitamina C – A sua carência conduz a um agravamento da doença. Pelo contrário, a sua abundância produz uma melhoria. O ideal é tomar, diariamente, um sumo de laranja, limão, maçã ou ananás, acabados de fazer.
  • Vitamina D – O corpo sintetiza com a exposição solar, nos meses de Inverno, há que aproveitar ao máximo os dias de sol.

Reduzir ou Eliminar

As batatas, os tomates e as beringela, embora sejam bons legumes, agudizam os sintomas das doenças reumáticas, de acordo com algumas investigações recentes.

O álcool, o chá muito forte e o café.

O açúcar e os alimentos que o contenham. É preferível substitui-lo por mel.

Controlar o Peso

Quanto mais elevado for o peso do corpo, maior será a carga suportada pelas articulações e mais acentuada será a dor.

Actuali

Leave a Reply